Vinte anos mãe


Era uma manhã de sol.O que nos esperava de especial era o aniversário do avô do meu marido,que  faria 89 anos,lúcido e maravilhoso!Comecei a sentir o que me lembro de descrever como "uma coisa muito estranha para serem contrações"...Mas aquilo não parava e estava com intervalos mais rápidos...Resolvi ligar para o numero do SOS grávida.
Sempre ouvi a minha mãe falar coisas terríveis sobre as contrações,e claro que não acreditava que o que estava sentindo eram as tão temidas ditas...
Ao falar com a enfermeira e explicar o que sentia...ela me pergunta:"E agora sente isso de quanto em quanto tempo?" E eu calmamente..."A cada 10 minutos..."-Vá agora para o hospital,tem alguém que a leve ou quer que mande uma ambulância?
Ui!
Ok,percebi,meu menino iria chegar com 38 semanas!
Depois disso fomos correndo para o hospital e o lindo do Gabriel resolveu dividir o dia 23 com seu bisavô.Deve ter ficado cansado com o stress matinal da mãe e resolveu só nascer a noite!As contrações?Essas realmente se fizeram sentir,mas nada que a santa da epidural não resolva...Hoje,passados 20 anos e na mesma hora que acordei,estarei entrando na igreja,para na missa agradecer por ter sido abençoada com um filho que a cada dia me enche de orgulho.

Mensagens populares